Arquivo da categoria: Tecnologia

Selo Publi

O Brasil já tem 4G

Depois de uma época em que a nossa rede 3G não está la essas coisas, temos a nossa porta a tecnologia 4G, que promete ter velocidades muito maiores comparadas a rede 3G.

Mas afinal de contas, o que é o 4G gordinho?

4G é a quarta geração de telefonia móvel, que não está baseada mais em modelos antigos, e sim baseada totalmente sobre IP (Internet Protocol). Logo, com o 4G podemos dizer que todos os dispositivos que tem essa tecnologia fazem parte de uma rede de dados. Além disso, o 4G tem o protocolo QoS (Quality of Service), garantindo assim a qualidade no trafego de voz e dados.

Um pouquinho de rivalidade?

Mas quase tudo são flores no mundo da 4ª geração. Como é uma tecnologia muito nova, ainda não existe um padrão para o conjunto de protocolos que irão trafegar para a rede. Os padrões que estão brigando são o WiMax e o LTE.

WiMax é um padrão baseado nas redes Wi-Fi que temos hoje e que tem sua vantagem em cobrir grandes distancias com qualidade.

Já o LTE, está sendo cogitada como a tecnologia que irá realmente ter o nome de 4G, pois além de velocidades altas e a qualidade de entrega de seus pacotes, ela foi baseada na tecnologia GSM atual, logo será compatível com a rede que temos hoje.

E o Brasil, como fica?

No Brasil a iniciativa do 4G está com a Claro, a primeira a trazer o 4G para nosso país. Ela tem em seu site, todo o cronograma de disponibilização do 4G no Brasil, além de já mostrar os aparelhos disponíveis com essa tecnologia.



A tecnologia é um vicio?

Já tenho ouvido falar faz algum tempo, das novas doenças que estão chegando com a multiplicação da Tecnologia. Não tenho duvidas que com a propagação da tecnologia novas patologias seja mcriadas, mas eu sinceramente acredito que hoje não conseguimos definir o que existe como uma doença.

Vou me explicar, a tecnologia veio para trazer facilidade as nossas vidas e não acabar com elas. Infelizmente as pessoas mais uma vez provam que aquilo que era pra ajudar, acaba atrapalhando. Mas como assim “mais uma vez”?

Veja bem, desde o inicio da historia humana, todas as ferramentas criadas para auxiliar o trabalho humano, foram utilizadas para fins de “auto-destruição”, vamos tomar alguns exemplos:

- Acho que o primeiro exemplo são as ferramentas como picaretas, machados, etc., que não foram usadas apenas para auxilio das tarefas, mas em brigas tribais;

- Outro bom exemplo é o da energia nuclear, que mesmo em estado experimental na década de 40, foi utilizada para simplesmente dizimar regiões de um país.

Temos centenas de outros exemplos de como a tecnologia foi executada de maneira totalmente deturpada da maneira que ela normalmente foi projetada. Sendo assim, eu sinceramente acredito que as “novas doenças”, provindas da tecnologia não sejam culpa da tecnologia em si, mas sim da fragilidade em que a mente humana se encontra normalmente. Vou dar um exemplo de um absurdo que não é por culpa da tecnologia, mas sim dos seres humanos que não estão preocupados em COMO usar essa tecnologia corretamente. Vejam:

 

Espero que tenham gostado, e comentem com suas opiniões.

outlook_2007_logo

Como agendar uma reunião no Outlook

  1. No Calendário, no menu Ações, clique em Planejar uma Reunião.
  2. Clique em Adicionar outros e, em seguida, clique em Adicionar do Catálogo de endereços.
  3. Na caixa Digite um nome ou selecione na lista, insira o nome de uma pessoa ou do recurso desejado para a reunião.
  4. Para cada nome inserido, clique em Necessário, Opcional ou Recursos. (Os participantes Necessários e Opcionais são exibidos na caixa Para da guia Compromisso e os Recursos são exibidos na caixa Local. Para obter detalhes sobre uma sala de reuniões, clique na lista Recursos e, em seguida, clique em Propriedades.) Clique em OK.
  5. Clique em um horário em que todos os convidados estejam disponíveis. Você pode usar AutoEscolher próximo para localizar o próximo horário livre de todos os convidados.
  6. Clique em Marcar reunião.
  7. Na caixa Assunto, digite uma descrição.
  8. Caso não tenha agendado uma sala, insira a localização na caixa Local.
  9. Se você desejar que a reunião se torne recorrente, clique em Recorrência, e selecione o padrão de recorrência.
  10. Selecione quaisquer outras opções desejadas.
  11. Clique em Enviar.

Observações

Para enviar pautas ou atas de reunião, anexe um arquivo à sua solicitação de reunião.

Se os participantes estiverem localizados em outro fuso horário, seus horários ocupados (ocupado: blocos de tempo marcados como ocupados aparecem com um indicador de disponibilidade sólido e são mostrados como não disponíveis quando outras pessoas estão vendo seu Calendário.) serão ajustados para serem exibidos corretamente no seu fuso horário.

Você pode evitar que os destinatários lhe enviem respostas. Na solicitação de reunião, no menu Ações, clique em Solicitar respostas para desmarcar a caixa de seleção ao lado.

outlook_2007_logo

Outlook – Compromissos, reuniões e eventos

Compromissos

Compromissos são atividades que você agenda no seu calendário e que não envolvem convites a outras pessoas nem reserva de recursos. Você pode definir lembretes para os compromissos. Também pode especificar o modo como os outros usuários verão seu calendário designando o tempo de duração de um compromisso como ocupado (ocupado: blocos de tempo marcados como ocupados aparecem com um indicador de disponibilidade sólido e são mostrados como não disponíveis quando outras pessoas estão vendo seu Calendário.), disponível (disponível: o horário disponível aparece com um indicador claro de disponibilidade e é visto como disponível quando outras pessoas exibem seu Calendário. Um compromisso de duração zero, visível no bloco de tempo selecionado na exibição de dias, aparece como horário disponível para outras pessoas.), provisório (provisório: blocos de tempo marcados como provisórios aparecem com um indicador de disponibilidade listrado e são mostrados como disponíveis quando outra pessoa vê o seu Calendário.) ou ausência temporária (ausência temporária: blocos de tempo marcados como ausentes aparecem com um indicador de disponibilidade sólido e um plano de fundo de compromisso sombreado, e são mostrados como não disponíveis quando outras pessoas vejam seu Calendário.). É possível agendar os compromissos recorrentes (recorrente: itens que ocorrem repetidamente. Por exemplo, um compromisso ou tarefa que ocorre regularmente, como uma reunião semanal de status ou um corte de cabelo mensal, podem ser designados como recorrentes.). Seus compromissos podem ser exibidos por dia, semana ou mês.

Você pode agendar um compromisso no seu próprio calendário e, por meio de permissão concedida, agendar ou fazer alterações nos calendários de outros usuários. Os compromissos também podem ser particulares (particular: outras pessoas não podem ver um item marcado como particular, mesmo que tenham permissão para acessar suas pastas.).

Reuniões

Uma reunião é um compromisso para o qual você convida pessoas ou reserva recursos. Você pode criar e enviar solicitações de reunião e reservar recursos (recurso: uma sala, um computador ou qualquer equipamento necessário em uma reunião. É possível consultar a disponibilidade de um recurso, comparar a agenda dele com a sua e bloquear horários em seu Calendário. Você solicita recursos para suas reuniões da mesma forma que convida pessoas.) para reuniões convencionais ou para reuniões online. Ao criar uma reunião, você identifica as pessoas a serem convidadas e os recursos a serem reservados e escolhe um horário. As respostas à sua solicitação de reunião são exibidas na Caixa de Entrada. Você ainda pode adicionar pessoas a uma reunião existente ou reagendar uma reunião.

Eventos

Um evento é uma atividade que dura 24 horas ou mais. Como exemplos de eventos podem ser incluídas as feiras, as Olimpíadas, férias ou um seminário. Em geral, um evento ocorre uma vez e pode durar um dia ou mais, mas um evento anual, como um aniversário ou uma data especial, ocorre anualmente em uma data específica. Os eventos e os eventos anuais não ocupam blocos de horários no calendário; em vez disso, ele são exibidos em faixas (faixa: nome de evento ou feriado que aparece na parte superior das datas especificadas no Calendário. Uma faixa pode abranger várias células. Os itens de faixas são marcados como horários disponíveis e são representados pela cor branca quando você exibe seu Calendário.). Um compromisso de um dia inteiro exibe o horário como ocupado (ocupado: blocos de tempo marcados como ocupados aparecem com um indicador de disponibilidade sólido e são mostrados como não disponíveis quando outras pessoas estão vendo seu Calendário.) quando visualizado por outras pessoas, enquanto um evento ou um evento anual exibe o horário como disponível (disponível: o horário disponível aparece com um indicador claro de disponibilidade e é visto como disponível quando outras pessoas exibem seu Calendário. Um compromisso de duração zero, visível no bloco de tempo selecionado na exibição de dias, aparece como horário disponível para outras pessoas.).

Como evitar SPAM no Facebook

Vamos falar um pouco do Facebook? Quem aqui nunca acessou o Facebook levanta a mão!?

Ninguém? A velhinha ali atrás? Ah, estava só coçando o suvaco, ok.

 

Hoje, qualquer pessoa tem um perfil nesta (na minha opinião) incrivel rede social. Com um potencial muito maior que o Orkut, Twitter, entre outras. Mas o poder do Facebook é usado corretamente? Todos tem certeza que sim, ou não? Vou falar um pouco do que acredito ser o porque o site faz tanto sucesso, e o motivo é o mesmo que poderá leva-lo a desgraça, como não tão usado Orkut.

 

A facilidade de compartilhar informações através do Facebook é usada de maneira tão desenfreada que quase nenhum usuario consegue ficar livre de spam. Mas como assim SPAM?

Facebookspam

Segundo o site antispam.br, a definição de Spam é:

“Spam é o termo usado para referir-se aos e-mails não solicitados, que geralmente são enviados para um grande número de pessoas. Quando o conteúdo é exclusivamente comercial, esse tipo de mensagem é chamada de UCE (do inglês Unsolicited Commercial E-mail).”

Ainda pode ter os seguintes tipos (principais):

Correntes (chain letters)

Um texto característico de uma corrente geralmente pede para que o usuário (destinatário) repasse a mensagem um determinado número de vezes ou, ainda, "para todos os amigos" ou "para todos que ama". O texto pode contar uma história antiga, descrever uma simpatia (superstição) ou, simplesmente, desejar sorte. Atualmente, o envio em massa de correntes diminuiu bastante, continuando freqüente em grupos e listas de discussão de amigos.

Algumas correntes utilizam métodos de engenharia social para convencer o usuário a repassar a mensagem, ou seja, a "não quebrar a corrente". Alguns exemplos de correntes divulgadas por e-mail podem ser consultadas no site Quatro Cantos.

 

Propagandas

Os spams com conteúdo de propaganda são conhecidos como UCE (Unsolicited Comercial E-mail). A publicidade pode envolver produtos, serviços, pessoas, sites etc.

Esse tipo de spam é motivo de discussão e polêmica, afinal, é possível fazer marketing na Internet sem fazer spam. No entanto, aqueles que insistem em divulgar sua imagem ou negócio por meio de mensagens não solicitadas, acabam comprometendo sua credibilidade. A solução é o marketing responsável na rede.

Por outro lado, alguns spams oferecem produtos que não existem e serviços que nunca serão entregues. Os casos mais comuns são os e-mails vendendo pílulas milagrosas para melhorar o desempenho sexual de homens e mulheres ou, ainda, para perder peso dormindo.

 

Ameaças, brincadeiras e difamação

Existem casos de envio de grande quantidade de e-mails ou mensagens eletrônicas contendo ameaças, brincadeiras inconvenientes ou difamação de amigos ou ex-(maridos, esposas, namorados e namoradas). O ato de enviar uma grande quantidade de mensagens, por si, já caracteriza o spam.

Quando a pessoa ou empresa envolvida nesse tipo de spam sentir-se lesada, pode registrar Boletim de Ocorrência na Polícia e, eventualmente, conduzir processo por calúnia e difamação, por exemplo.

Mesmo que o texto especifique somente os e-mails como fonte de spam, quem leu o texto irá ver que pode identificar praticamente os 3 tipos nas suas atualizações do Face. Tudo bem gordinho, eu até entendo essa preocupação no e-mail, mas no Facebook? Que merda de preocupação tosca.

 

Não, pequenos gafanhotos, não é uma preocupação tosca e sim prezar pelo Facebook pelo que ele foi concebido e não pela sua banalização. O Face foi feito para ser uma rede fechada e academica, para troca de informações entre os estudantes. Claro que desde aquela epoca todos poderiam postar algum tipo de spam, mas isso foi por muito tempo irrelevante pela quantidade de pessoas na rede.

 

Agora o problema é muito diferente, pois gera uma lentidão muito grande quando as pessoas acessarem o Facebook, além de uma poluição visual sem tamanho para todos os usuarios e suas timelines.

Gostaria de dar aqui algumas dicas para tentar diminuir o spam no Face, e deixar o uso dessa rede social mais facil:

1) Compartilhe somente aquilo que REALMENTE lhe agrada, pois quando mais coisas você compartilhar, mais isso vai aparecer nas timelines alheias. Se gostar de alguma coisa, clique em “Curtir” e isso também vai aparecer na sua timeline, mas de maneira mais discreta, não aparecendo aquela foto gigante pra quem não quer ver.

2) Sempre que for compartilhar alguma coisa, pense 2 vezes antes de clicar. Pense se seus amigos irão gostar ou achar bonitinho. Não tenha medo de não clicar, pois se seus amigos tem o mesmo gosto que você eles irão curtir a mesma pagina que você viu.

3) Recomende para seus amigos a pagina que você viu, e deixe que seus amigos escolham se querem ou não receber as atualizações daquela pagina.

E não menos importante:

4) Tenha BOM SENSO.

Tudo que você sempre quis fazer com seu Wiimote mas sua religião não permitia

Chega um dia na vida em que você acorda, abre a janela do quarto e grita a plenos pulmões: “cara, como eu queria usar Wiimotes pra controlar um emulador do meu celular Android”!

Pois seus problemas acabaram; esse vídeo foi feito para você!

Abraços e até a próxima!

Memórias do Suporte Técnico 3 – A Internet e o notebook.

Tecnico: “Vc ta conectada na internet com o note?”
Usuario: “Sim estou.”
Tecnico: “Tenta acessar o google.”
Usuario: “Não ta indo!!! Esse computador não funciona!”
Tecnico: “Então vc não esta conectada na internet.”
Usuario: “Claro que estou meu note pessoal funciona.”
Tecnico: “Mas você configurou a rede sem-fio nesse note?”
Usuario: ” Claro que não! Nunca porecisei.”

Este foi mais um incrível dialogo do dia de hoje.

Polícia investiga ameaça de morte a 10 produtos do Google

Logotipo do Google na China

A polícia apura desde o dia de ontem, após uma denúncia anônima, ameaças de morte feitas a 10 produtos do Google. Todos os produtos serão colocados sob o SPPII (Serviço de Proteção aos Produtos Inúteis da Internet), mas fontes próxima afirmam que os mesmos deverão ser mortos apesar de todo o aparato policial. Segue a lista completa dos produtos ameaçados:

  • Aardvark;
  • Desktop;
  • Fast Flip;
  • Google Maps API for Flash;
  • Google Pack;
  • Google Web Security;
  • Image Labeler;
  • Notebook;
  • Sidewiki;
  • Subscribed Links.

De todos eles, só me lembro de ter usado o Image Labeler (que é bem divertido, por sinal) e o Google Notebook. Esse último vai deixar saudades: a extensão do Firefox era excelente, tornando o serviço um substituto à altura dos velhos Post-Its. Mas, como dizem os blogueiros que não sabem como terminar posts, é a vida, não é mesmo?

 

Memórias do Suporte Tecnico 2 – Novo notebook

Usuario recebeu seu novo notebook para trabalhar. Windows 7.

- SUPORTE: Help Desk em que posso ajudar?

- USUARIO: Oi, eu não consigo trabalhar. Estou tendo varios problemas. Não consigo abrir o Excel.

- SUPORTE: Ok senhor. Por favor clique no icone do Excel.

- USUARIO: Não tem.

- SUPORTE: Tudo bem. Por favor, clique no botão iniciar, vá em todos os programas e encontre a pasta Microsoft Office.

- USUARIO: Onde fica o botão iniciar?

Silêncio por alguns instantes. Um clique seco e um tiro.

Eu realmente me divirto com a minha profissão. Na boa.

A Gênese da Web

“Em 6 de agosto de 1991, ele [Tim Berners-Lee] postou um resumo no grupo de notícias alt.hypertext. Essa data marca a estreia da Web como um serviço publicado na Internet.” – Wikipedia sobre World Wide Web

No princípio, o Homem criou as home pages. E viu que era bom, mesmo com todos aqueles GIFs animados de caveiras pegando fogo e personagens da Disney. Então o Homem percebeu que estava sozinho, e criou o mIRC. E achou que seria uma boa ideia poder receber e enviar os GIFs de caveira para alguém do outro lado do mundo, e receber do outro lado do mundo GIFs com a placa de Homens Trabalhando. E viu que isso também era bom.

O Homem viu que era bom saber quando seus amigos estavam online, e apesar de o mIRC já oferecer essa funcionalidade, não trazia barulhinhos engraçados nem emoticons. O Homem criou o ICQ. E viu que era bom, ainda que demorasse 5 minutos para abrir em seu Pentium 200 MHz MMX. E depois criou o MSN, que não era bom.
Pasta dental ICQ

O Homem então disse: “quero conhecer garotas que gostam de mostrar fotos das quais se arrependerão depois”. O Homem então criou o Orkut e, minutos depois, o Facebook. Não havia diferença nenhuma entre um e outro, mas o Homem jurava que o segundo era melhor.

O Homem então, preguiçoso que era, pensou consigo: “140 caracteres são mais que suficientes #fato”. E então criou o Twitter.

Apesar de todos os GIFs animados, vídeos com gatinhos, convites para o FarmVille e mensagens com hashtags, o Homem ainda estava infeliz. E então aconteceu. O Homem teve uma ideia melhor do que todas as outras juntas. Uma ideia que funcionaria mesmo com uma conexão discada a 14.4 kbps num dia chuvoso, e que não tinha nada a ver com uma Colheita Feliz.

E justo quando o Homem encontrou um angel investor que se interessou pela ideia veio 2012, e com ele o tweet que anunciava: “It’s the end of the world as we know it. #partiu”. E todos se regozijaram.