Arquivo da tag: Gastronomia

Receita de Cuscus de atum

Olá a todos.

Receitinha fácil, rápida e garantida.

Ingredientes:

1 lata de atum

1 lata de milho

1 lata de ervilha

3 tomates

200 gramas de azeitonas

2 ovos cozidos

1 cebola

2 dentes de alho

1 Caldo de legumes

Cheiro verde

Azeite

Sal

Ajinomoto

500 ml de água

Farinha de milho

Modo de preparo:

Cozinhe os ovos, corte em rodelas e reserve.

Pique um tomate em rodelas e reserve.

Refogue a cebola e o alho no azeite.

Acrescente as azeitonas, 2 tomates picados, a lata de milho, a lata de ervilha e a lata de atum.

Junte o cheiro verde, o sal e o ajinomoto.

Dissolva o caldo na água fervente e junte ao refogado.

Quando ferver, acrescente um pouco de farinha de milho aos poucos, até engrossar.

Coloque numa assadeira ou refratário as rodelas de tomate e ovos intercaladas. Despeje o cuscus, e aguarde esfriar.

Depois de frio, com cuidado, desenforme e sirva.

Bom apetite.

Pasta da SIF

Ingredientes

Molho

1 lata de tomate pelado;
1 cebola;
2 dentes de alho;
Azeite Extra-virgem;
Sal e ajinomoto a gosto.

Massa

Macarrão de sua preferência, cozido com sal e ajinomoto.

Cobertura

Musarela de búfula picada;
Folhas de manjericão fresco;

Preparo

Molho
Colocar os tomates num processador junto com o suco que vem na lata, ou pica-los.
Refogar a cebola e o alho no azeite, e adicionar os tomates, o sal e o ajinomoto.
Cozinhar por 5 minutos.

Massa

Cozinhar o macarrão, de acordo com o tipo de massa e o gosto do freguês.

Montagem

Coloque o molho sobre a massa, e acrescente a mussarela e as folhas de manjericão a gosto.

Dicas da Sif
- Eu sempre uso massas italianas ou caseiras, pois são mais leves;
- Sim, eu sou viciada em ajinomoto, mas se você não gostar, deixe “por alá” como diz o Eros, meu professor de alemão.
- Não colocar óleo ou azeite na água do cozimento do macarrão, pois o azeite não deixa o molho penetrar na massa – Dica do Edu Guedes.

Prost!

Hallo!

Como disse o Daurinhos na minha descrição (sim, ele escreveu a descrição de todos), eu sou uma bebum germânica. Eu nunca fiquei bêbada, mas gosto de apreciar cervejas importadas, Absolut de Framboesa e Amarula.

Segue as minhas cervejas preferidas e que indico a todos. Mas Lembrem-se de beber com moderação e não dirigir depois de beber.

Alemãs:

Warsteiner

warsteiner

A minha primeira, a minha preferida, a rainha. O slogan já diz tudo: “Because life is too short to drink cheap beer”. A cerveja “top of mind” Alemã. É uma cerveja Lager (baixa fermentação), estilo Pilsen. Segue a “Reinheitsgebot”, a Lei de Pureza Alemã de 1516, em que água, levedura, lúpulo e malte são os únicos ingredientes permitidos, sendo puros e selecionados. Graduação alcoólica 4,8%.

Paulaner Hafe-Weissbier

paulaner_hefe_weizen_bg_bigger

Cerveja de trigo de alta fermentação. Refermentação na própria garrafa. Feita a partir da fórmula original dos monges. Graduação alcoólica 5,5%.

Paulaner Hafe-Weissbier Dunkel

paulaner-weissbier_dunkel

Semelhante a Paulaner acima, mas com o malte mais torrado, originando a cor mais escura. Graduação Alcoólica: 5,3%.

Paulaner Original Münchner Hell

hell

Criada no século XIX. É a cerveja de Munich mais vendida no mundo. Dourada brilhante, tem baixa fermentação. Graduação Alcoólica: 4.9%.

Erdinger Weiss

Erdinger

Cerveja de trigo leve, de alta fermentação, refermentada na própria garrafa. Graduação Alcoólica: 5,30%.

Erdinger Weiss Dunkel

erdinger dunkel

Como a Erdinger acima, mas por conta da torrefação dos maltes tem cor mais escura, e sabor diferenciado. Graduação Alcoólica: 5,60%.

Belga

Stella Artois

stella

Desde 1366! Lager Premium, feita com água, malte, cereais não maltados e lúpulo. Graduação Alcoólica: 5.20%.

Brasileira

Eros Bier

Essa é um prazer para poucos. A Eros Bier é fabricada pelo meu amigo Hugo Gambini, em Jundiaí. Inspirada no gosto do nosso professor de alemão, amigo e companheiro de bar Eros, a Eros Bier é uma cerveja do estilo dunkelweizen (trigo escura), com aroma marcante derivado da combinação de 3 maltes, e 2 tipos de lúpulos. A levedura alemã confere aromas e sabor surpreendentes.

Reparem que cada uma tem um copo diferente. É importante a utilização dos copos adequados para melhor aprovitamento de sua cerveja.

Levante o copo e Prost!

E como diz papai: “Bendito seja o alemão que inventou a cerveja!”

Receita de Risoto


Hallo.

Essa é uma receita básica de risoto. Com ela, você pode preparar risoto do que bem entender. É só colocar seu ingrediente preferido no final.

INGREDIENTES

1 colher de manteiga
1 cebola pequena picada
2 xícaras de arroz arbório
1 cálice de vinho branco
1 litro de caldo de legumes, galinha, peixe ou carne
Queijo a gosto – quanto mais melhor.

MODO DE PREPARAR

Refogar a cebola na mateiga – Manteiga não é igual a margarina. Manteiga é sempre melhor.
Acrescentar o arroz e o vinho – Você não vai ficar chapado por causa do Risoto.
Quando o vinho secar, e coloque uma concha de caldo na panela, mexendo sempre.
Secando o caldo, coloque outra concha, e assim sucessivamente. – Se parar de mexer, ou colocar todo o caldo de uma vez vai ficar uma gororoba.
Depois de colocar todo o caldo, coloque os outros ingredientes do risoto:
Palmito, champignon, 4 queijos, açafrão, presunto, ervilhas, tomate seco, muzarella de búfala, carne seca, frango desfiado, camarão, frutos do mar, aspargos, nozes, legumes, frutas, ou o que a sua imaginação fértil mandar – Vale bom senso na hora de combinar os ingredientes.
Finalizando, coloque o queijo – Gouda é uma boa pedida.

Sirva imediatamenente – É bom que seja servido imediatamente mesmo, senão não fica tão bom assim.

FAQ:

- Arroz arbório:
Esse tipo de arroz italiano absorve o sabor do vinho, do caldo e dos outros ingredientes, além de soltar mais amido, colaborando para a consistência do risoto.

- Tipo do vinho:
Seco, meio seco, suave. lembrando que o suave vai dar um sabor mais adocicado.

- Sou chato e não gosto de cebola:
É só não colocar.

Consistêcia do arroz:
- Se o caldo acabar e você achar que o arroz ainda está duro, coloque mais água, até ficar na consistência desejada.

Sabor do caldo:
O que combinar melhor com o resto dos ingredientes.

Enjoy

Receita de pão

pão
Ai pessoal!!!
Como vcs irão descobrir com o tempo eu nas horas vagas adoro cozinhar. Vou passar aqui uma receita de pão que eu faço faz um bom tempo ja. Vcs irão precisar de:

  • 4 ovos
  • 1 Xicara de Leite
  • 1/2 Xicara de Oleo
  • 1/2 Xicara de Açucar
  • 1 Colher pequena de Sal
  • 2 Colheres de margarina
  • 1 Kg de Farinha de Trigo SEM FERMENTO
  • 2 Tabletes de fermento biologico
  • Assadeira grande

O preparo é maravilhosamente facil:
Misture quase todos os ingredientes num recipiente, separando apenas o fermento e a farinha. Com as mãos, sem liquidificador ou batedeira, seja TRUE. Va misturando a farinha aos poucos, sempre deixando uma massa homogenea (sempre quis usar essa palavra!). Assim que a massa estiver desgrudando da mão, ela está no ponto. Adicione os tabletes de fermento e misture MUITO bem.
Segredinho do centauro: Bata na massa como se ela fosse sua mulher e você tivesse pegado ela na cama com outro. Destrua a massa. Bata com vontade mesmo, não seja mulhersinha. Quanto mais bater, mais macia e fofinha ela fica.
Após isso, separe a massa e va pegando pedaços dela para abrir como se fosse uma torta. Enrole essa massa e coloque na assadeira untada com margarina e farinha de trigo. Dica: Quando for abrir a massa, abra numa superficie plana e limpa. Jogue um pouco de farinha para não grudar e soca a bota.
Assim que estiver terminando, pegue uma pequena bolinha de massa e separe. Acabe de fazer os pães. Num copo, coloque agua e jogue a bolinha dentro. Assim que a bolinha começar a boiar, coloque o pão no forno em temperatura media por uns 40 minutos. Voce pode deixar mais ou menos, dependendo do seu gosto para o pão. Mais moreno ou mais branco.
PS: Para pães recheados, quando estiver enrolando a massa, adicione o recheio. Com essa mesma massa eu ja fiz dos seguintes sabores: Presunto e queijo, Pizza, Queijo parmesão, goiabada, romeu e julieta, doce de leite e calabreza.
Enjoy…